terça-feira, 5 de fevereiro de 2013

Deputados estaduais vão receber carta da diretoria da Aduenf que pede intervenção para destravar a negociação com o governo Cabral

A diretoria da ADUENF aproveitando que hoje (05/02) estão sendo retomadas as atividades parlamentares na ALERJ preparou uma nota para todos os deputados e deputados para que todos tenham conhecimento da efetiva paralisação do processo de negociação que levou à suspensão da greve dos professores no final de 2012.

É de grande importância que o documento abaixo seja lido e disseminado, de modo a pressionar o governo do estado e a ALERJ a levaram adiante o compromisso de resolver a situação da remuneração do regime de Dedicação Exclusiva que todos os professores da UENF cumprem.

O mais grave é que os professores da UERJ que antes não cumpriam este tipo de regime já começaram a receber os benefícios da concessão de 65% que foram dados para remunerar a D.E. Enquanto isto, os professores da UENF cumprem a D.E. e não recebem nada por ela.