quarta-feira, 18 de setembro de 2013

Nota política da diretoria da ADUENF conclama retomada da mobilização


É HORA DE RETOMAR A OFENSIVA!

O tempo urge. Já passamos da metade de setembro e nem sinal de nenhuma mensagem do Governo do Estado à ALERJ, tratando do nosso reajuste salarial.

No começo de agosto solicitamos uma audiência ao Secretário de Ciência e Tecnologia, dia 10 do corrente, terça da semana passada, reiteramos a solicitação, ainda sem uma resposta ou previsão de data. Precisamos nos fazer ouvir e, para tal, será necessário que façamos alguma pressão. A hora de agir é agora, e está em nossas mãos a tarefa de defender o nosso direito por salários dignos.

A Diretoria da ADUENF solicita a todos que atuam ativamente para alcançar o objetivo de recompor nossas perdas salariais, sugerimos duas atividades:

1) Continuar com o abaixo assinado. Já contamos com um número muito expressivo de assinaturas de docentes, precisamos ampliar o número de apoios entre os estudantes e os técnicos. Em anexo segue o modelo do abaixo assinado, que também pode ser solicitado pelo telefone 97270.

2) Chuva de e-mails. Abaixo seguem os endereços eletrônicos dos Secretários de C&T, SEPLAG, Chefe da Casa Civil, Governador, Vice Governador e presidente da ALERJ, solicitamos a todos que enviem mensagens com o texto: 


"Os professores da UENF, que recebem os piores salários entre todas as Universidades do Brasil, e não estão em greve, esperam ansiosamente por reajuste salarial ainda este ano, sem que para isso tenham que fazer greve ou engrossar as manifestações que continuam a tumultuar o Rio de Janeiro."

sergioruy@planejamento.rj.gov.br,regis@casacivil.rj.gov.br, paulomelo@alerj.rj.gov.br, pezao@vicegovernador.rj.gov.br,documentacao@gabgovernador.rj.gov.br, gtutuca@cienciaetecnologia.rj.gov.br