quarta-feira, 6 de outubro de 2010

ADUENF cobra reinício imediato de negociações

De acordo com o que havia sido negociado para houvesse a suspensão da greve, a diretoria da Aduenf agora aguarda a resposta imediata do governo Cabral no sentido de que as negociações sejam reiniciadas imediatamente.
Neste sentido, há ainda que se lembrar que no dia 20 de outubro os docentes da UENF realizarão nova assembléia para definir se voltam à greve ou não.