terça-feira, 12 de abril de 2016

Professores fazem assembleia e decidem continuar indo às ruas para explicar greve á população


Reunidos nesta 3a. feira (12/04), os professores da Universidade Estadual do Norte Fluminense (Uenf) fizeram um balanço das atividades realizadas desde o início da greve por tempo indeterminado.  Uma das principais conclusões é que o apoio demonstrado pela população na adesão ao abaixo-assinado em defesa da universidade demonstra a correção da decisão de deflagrar a greve.

Após realizar uma atualização da pauta de reivindicações que foi enviada ao governo do Rio de Janeiro visando facilitar a ação unificada com servidores técnico-administrativos e estudantes, a assembléia também decidiu realizar duas atividades públicas para angariar mais assinaturas ao abaixo-assinado em defesa da Uenf.

A primeira atividade deverá ocorrer no Boulevard Francisco de Paula Carneiro na próxima 5a. (14/04) feira a partir das 14:00 horas. Já a segunda atividade será realizada na Avenida Pelinca na próxima 6a. feira (15/04) a partir das 15:00 horas.

Nessas atividades será entregue o adesivo que simboliza o atual movimento de greve que não apenas visa defender os salários dos servidores e docentes, mas principalmente a própria existência da Uenf.