GREVE É SUSPENSA COM BASE NA CARTA-COMPROMISSO DA SECT/SEPLAG

A expectativa agora é que o governo Cabral aproveite esta pausa na greve para formular propostas que resolvam de forma objetiva a grave crise salarial que ameaça destruir o projeto acadêmico-pedagógico da UENF.
Do contrário, a volta ao processo de greve será inevitável, com prejuízos acadêmicos para a UENF e políticos para o governo Cabral.
Afinal de contas, todos sabem da importância que a população do norte-noroeste fluminense atribui à instituição idealizada por Darcy Ribeiro.

Postagens mais visitadas deste blog

Professores da UENF decretam greve por tempo indeterminado

Presidente da Assembleia de Deus Central de Campos dos Goytacazes faz apelo em defesa da UENF

Servidores, aposentados e pensionistas sem salários realizam protesto no Fórum do Rio de Janeiro