ATO DE PROTESTO CONTRA O AUTORITARISMO DO GOVERNO CABRAL
HOJE, 3a. FEIRA, 14 HORAS
 PRÉDIO DA REITORIA DA UENF

Nesta 3a. feira a mensagem imposta pelo governo Cabral para quebrar a greve dos servidores da UENF está na pauta de votações.  A colocação de uma mensagem que claramente não atende os interesses dos professores e, tampouco, dos servidores técnicos é uma clara demonstração de que o governo Cabral não está buscando soluções definitivas para resolver a crise instalada na UENF.

Mas a ADUENF e o SINTUPERJ não vão aceitar calados este desrespeito e vão continuar lutando para que soluções negociadas com os sindicatos sejam implantadas, de forma a garantir a recuperação real dos salários de todos os servidores da UENF.

Apóie e participe deste ato! Defender salários é a apenas a primeira etapa de uma longa luta em  defesa da UENF pública, gratuita e democrática!





Postagens mais visitadas deste blog

Professores da UENF decretam greve por tempo indeterminado

Presidente da Assembleia de Deus Central de Campos dos Goytacazes faz apelo em defesa da UENF

Servidores, aposentados e pensionistas sem salários realizam protesto no Fórum do Rio de Janeiro