OLHO ABERTO ITALVA QUE AS PROMESSAS DE EXPANSÃO DA UENF PODEM NÃO PASSAR DISTO, OU SEJA, SIMPLES PROMESSAS.

Menos de uma semana após divulgar de forma ruidosa no site da UENF que existiria uma pressão social pela expansão da UENF para o noroeste fluminense, o Reitor Almy Junior manteve um silêncio sepulcral sobre o assunto na reunião realizado pelo Colegiado Acadêmico da UENF que ocorreu nesta segunda- feira (10/05). Ainda que esteja programada uma reunião do Conselho Universitário para o dia 14/05 (próxima 6ª. feira) onde o assunto poderá ser ventilada. Mas como é o Colegiado Acadêmico o primeiro colegiado superior que deverá aprovar a criação de cursos que darão vida efetiva a esta prometida expansão, o silêncio do Reitor na reunião do Colegiado Acadêmico foi, no mínimo, curioso. Em tempo: o curso de Engenharia de Alimentos que tem sido citado como um dos possíveis motores desta expansão ainda não passou da fase inicial de análise para sua criação numa data ainda indefinida. Assim, do que jeito que anda a carruagem, as eventuais promessas de levar este curso para o município podem não passar disto, simples promessas! Por via das dúvidas, é bom que os governantes de Italva saibam logo que a ADUENF já condicionou qualquer expansão futura a uma política que garanta a reposição total das perdas salariais que vêm ao longo da última década corroendo salários e comprometendo a sustentabilidade institucional da UENF ao causar uma grande evasão de professores doutores.

Postagens mais visitadas deste blog

Diretoria da ADUENF envia carta a Sérgio Cabral defendendo a manutenção do modelo de Darcy Ribeiro

Nota de Repúdio contra o abuso de autoridade no arrombamento do DACOM da UFF Campos

Incêndio no Museu Nacional: ADUENF divulga nota de solidariedade à UFRJ